• Dias online
    Postagens
    Cultura Hip-Hop, Somente em Português!

    Test Footer 2

    Hip Hop: A História [Resumo]


    Hip-Hop / História
    O seguinte é uma fuga de áudio / visual, em profundidade as raízes da cultura Hip-Hop, os seus fundadores, e as pessoas que mudaram a música para sempre ....
    Em 1967, Kool Herc, jamaicano de berço, mudou-se para Nova Iorque. Habituado na sua terra a ouvir música debitada pelos monstruosos sound systems, Herc pretendeu trazer as colunas para a rua, de modo a oferecer música às pessoas e para solidificar a sua carreira de DJ, iniciada em 1969. Porém, apesar de alguns gangs frequentarem estas festas elas não tiveram particular impacto, já que as pessoas não aderiram ao som dos discos jamaicanos que Herc trouxera. Em 12 de novembro de 1973, ele formou "A Organização", que incluiria três jovens: Grandmaster Flash, Grandmaster Caz, e um ex-líder de gangue que posteriormente virou ativista social chamado Africa Bambaataa, que, em 1974, re-organizaou "A Organização" para renomeá-la de "Zulu Nation".
    Foi neste lugar (1520 Sedgwick Avenue) que tudo começou há 38 anos. Kool Herc instalava-se por aqui e as pessoas reuniam à sua volta. Algumas imagens inéditas em vídeo.
    O gang Black Spades era um dos vários que frequentavam as festas de Kool Herc no Bronx. Merece referência pois Afrika Bambaataa pertencia a este gang.
    Mas Afrika Bambaataa cansou-se da violência dos gangs e pretendeu desligar-se da vida do crime e direccionar a sua vida noutro sentido. Assim, criou a Zulu Nation. A Zulu Nation é um organismo que visa abraçar a vida duma forma mais positiva, alicerçada na cultura. Primeiro foi a dança, o Breakdance, depois seguiu-se o Graffiti, o DJing e o MCing. Foi precisamente na comemoração do 1º aniversário da Zulu Nation que Bambaataa declarou o começo oficial do Hip Hop nessa data de 12 de Novembro de 1974. Com a Zulu Nation, Bambaataa pôde ainda divulgar o seu profundo conhecimento musical, capitalizado pela audição de muitos muitos breaks.
    Kool Herc percebeu que as multidões que se juntavam à sua volta nas festas preferiam o ritmo do funk acima de qualquer outro. E o êxtase incidia sobretudo nos trechos das músicas onde estava mais em evidência o baixo e a bateria. Assim, surgiram os breaks. É que Herc entendeu essa preferência das pessoas e engendrou uma táctica que lhe permitia prolongar o efeito do break, tendo duas cópias do mesmo single, alternando-as e mantendo a alternância da batida.
    Grandmaster Flash seria importante ao ser o primeiro a dominar na sua mesa de mistura a passagem dum disco para o outro sem paragens, graças a um botão chamado cross-fader. A revolução técnica estava consumada. Acidentalmente, Grandwizard Theodore criou o scratch, tocando o disco ao contrário com o auxílio da mão, tendo um pedaço previamente seleccionado da música e repetindo-a para a frente e para trás. Grandmaster Flash seria um dos responsáveis pelo aperfeiçoamento desta técnica.

    Busy Bee, mudou o jogo para sempre quando ele se tornou o primeiro MC solo de Hip Hop! O DJ foi a realeza original do Hip Hop, e o MC era apenas o seu lado homem. Isso não estava acontecendo por muito tempo com Busy Bee. O Chefe Original Rocker tomou o microfone de trás das mesas e trouxe-o para a multidão, graças ao Busy Bee, o Mic nunca mais voltou a ser encostado. Ele ganhou sua reputação lendária como o chefe Original Rocker com sua capacidade de começar a festa e manter as pessoas agitando com seus lendários shout-outs. Ele foi um pioneiro das batalhas de emcee nos redor de Nova York, o que atraiu multidões e mais tarde viria a vencer o torneio MC World Supremacy Battle Belt. Busy Bee envolveu-se em uma das batalhas mais infames da história do Hip Hop contra o lendário Kool Moe Dee. Milhares de exemplares desta batalha continuará a ser distribuído nas ruas mais de vinte anos mais tarde.

    Coke La Rock é considerado o primeiro verdadeiro MC na história do Hip Hop. Enquanto DJ Kool Herc estava lançando as bases da cultura Hip Hop em 1520 Sedgwick Ave e Cedar Park, ele trouxe de sua Jamaica natal os elementos da música dub, entre eles brindar mais uma batida instrumental. Partes do DJ Kool Herc tornou-se tão lendário que mais tarde ele voltou sua atenção para DJing e deixou Coke La Rock segurar o microfone. Este foi o primeiro sabor de um MC de Hip Hop. Coke La Rock começou a balançar a multidão, fazendo uma espécie de rápido discurso rítmico ao longo dos funk que Kool Herc estava girando. Em 1975, a Coca-Cola La Rock tornou-se conhecido como um dos MCs mais proeminentes na cena de Nova York. Mais tarde, Coke La Rock e DJ Clark Kent partilharam o microfone para formar Kool Herc e The Herculords.

    Grandmaster Caz nasceu e foi criado no Boogie Down Bronx. Originalmente conhecido como Casanova Fly, ele se tornou o primeiro DJ simultâneo e MC na história Hip-Hop. Ele era um génio lírico e ficou para sempre conhecido como "The Live Rhyme Master". Em testes de Batalha era um favorito Mc das ruas.  Infelizmente, a maior injustiça económica da história de Hip Hop foi cometido a ele por Sugar Hill Records quando suas rimas, usado por Big Bank Hank Rapper's Delight do Sugar Hill Gang, primeiro super hit do Hip Hop, foram usados ​​sem crédito ou pagamento. Até mesmo seu nome foi roubado: "Check it out…I'm the CAS and the N-OV-A and the rest is FLY".. Esta injustiça não poderia segurá-lo, como a sua lenda cresceu mais nas ruas e parques, onde foi elevado ao título de "Grande Mestre". Grandmaster Caz se juntou aos lendários irmãos Cold Crush em 1978. Eles eram um super grupo que contou com três MC rimando simultaneamente e com dois DJ. Cold Crush inspirou nomes como Run DMC, Kool Moe Dee, Biz Markie, Doug E. Fresh, LL Cool J, KRS-1, Chuck D, Will Smith, Fat Joe, Jay-Z e inúmeros outros MC.
    Formada em 1977, The Rock Steady Crew tornam-se fenômeno do B-Boy em 1980  Em 1979, com a adição de membros emblemáticos 'Lenny Len "e" Crazy Legs ", The Rock Steady Crew seria uma parte de alguns dos mais lendários B-Boy de batalhas da história! 

    Cold Crush Brothers era um grupo que albergava Grandmaster Caz. Consta que Grandmaster Caz seria o autor de algumas rimas que seriam usadas no primeiro grande estrondo musical desta cultura “Rapper’s Delight”.
    Sylvia Robinson, antiga cantora, manager, produtora e dona da Sugarhill Records, cria e lança o grupo Sugarhill Gang, composto por Big Bang Hank, Wondermike e Master Gee. Seria Big Bang Hank aquele que usaria/roubaria as rimas originais de Caz para o tema Rapper’s Delight. Estes três membros de Sugarhill Gang não pertenciam a nenhuma crew local, Hank era mesmo segurança das festas que aconteciam. Oportunismos à parte, “Rapper’s Delight” foi um êxito comercial ultrapassando mais de 2 milhões de exemplares vendidos só nos Estados Unidos. Era a confirmação da viabilidade comercial do rap.
    Taki 183, um dos pioneiros do Graffiti. Adoptou esse pseudónimo, assinando em vários pontos de Nova Iorque. “183″ referia-se ao número da porta onde morava. Nova Iorque surpreendeu-se com a tag que aparecia em todos os lados e se multiplicava. Futura 2000 foi outro dos pioneiros do graffiti. Os comboios eram uma boa plataforma para publicitar as assinaturas dos writers. Daí a proliferação de comboios pintados.
    Run DMC revolucionou o Hip Hop, introduzindo-lhe modernidade e uma identidade mais próxima da que conhecemos. Particularmente uma forma mais casual e desportiva na indumentária, já que inicialmente se usavam roupas excêntricas como as dos grupos de funk e posteriormente um estilo inspirado pela estética punk. Mas Run DMC também inovou nas rimas e especialmente nas batidas ao usar caixas de ritmos e os recém-criados samplers, promovendo uma sonoridade mais sintéctica
    Outros nomes ilustres se seguiam inspirados neste legado incrível. Em baixo alguns dos mais prolíferos representantes do rap, que foi o elemento mais desenvolvido e privilegiado pela indústria devido à sua extraordinária capacidade de gerar lucros. Muitos muitos nomes surgiram desde então.

    Datas mais notáveis:
    * 1972 -...DJ Hollywood começou a rimar sobre batidas de discoteca populares em suas casas nocturnas da moda. Alega-se que Hollywood baptizou o termo "Hip-Hop", embora alguns dizem que foi seu parceiro, Lovebug Starski, que surgiu com o termo.

    * 1974 - Afrika Bambaataa categorizou o que ele chama de "4 Elementos" de Hip-Hop: DJing, Breaking, Graf Artists and MCing.

    * 1975 - Grand Wizard Theodore, irmão de Mean Gene (parceiro de Grandmaster Flash) leva acidentalmente DJing a um passo em frente, empurrando o registro e para trás levemente sob a agulha durante os intervalos. Ele chama sua nova técnica de 'scracth'.

    * 1978 - DJing, a principal força no hip-hop até este ponto, começa a tomar lugar para o MCing.

    * 1979 - The Funky Four é formado com uma das primeiras MCs mulheres do hip-hop, Sha Rock.
    -Kurtis Blow torna-se o primeiro rapper a assinar um contrato de gravação com uma grande gravadora, sob seu gerente Russel Simmons.

    * 1984 - O filme "Breakin" é lançado, com o "Beat Street" que vem logo após, assim sendo continuava o impulso hip-hop em Hollywood "Beat Street" também mostra um jovem artista chamado Doug E. Fresh, que tem a incrível capacidade de beatbox [imitar efeitos musicais usando apenas a boca.

    * 1987 - Um ex-traficante de drogas LA chamado Eazy-E (nascido Eric Wright) usa seu dinheiro para financiar um rótulo indie rap pequena chamada Ruthless Records. Ele assina um grupo local chamado HBO como seu primeiro negócio. Ele também recruta Andre "Dr. Dre "Young um DJ / Produtor de R&B do grupo World Class Wreckin 'Cru, e Oséias Jackson, o MC que vinha a seguir chama Ice Cube.

    Ice-T, lança seu álbum de estréia, "Rhyme Pays", e se torna um dos primeiros MCs da Costa Oeste a merecer a atenção nacional. Seu single, "Six In the Morning", é inovador em que é representação dura e explícita de rua agitadas e o estilo de vida criminal.

    * 1988 - O segundo álbum de-Ice-T, "Power", torna-se o primeiro álbum de rap a levar uma etiqueta de aviso Parental Advisory.
    NWA- lança seu primeiro álbum de pleno direito, Tomar "Straight Outta Compton".ataque sonoro do Public Enemy e fundindo-a com contos brutais e explícitas  de crime nas ruas de Los Angeles, torna-se um divisor de águas para ' rap gangsta 'e abre totalmente as portas/desperta atenção nacional para os rappers da West Coast. 

    Nota: Informação resumida vinculada em inúmeras paginas disponíveis na net

    Something from Nothing: The Art of Rap [Documentário]

    [Assista agora uma relato da cultura narrada na primeira pessoa por muitos ilustres, pioneiros da cultura]

    Test Footer

     
    Member
    Member
    Só-Newz Entretenimento Musical: Desde 20-Agosto-2012